COMO PUDERAM ME ENGANAR? POR TANTO, O TEMPO

DIANTE DE MIM, A CULPA E A NEGAÇÃO. TUDO FORA DE UM FOCO. ERA EU E A MULTIDÃO. PRIMEIRO UM BRANCO, UM POUCO PASSA E, TUDO ESCLARECE DE NOVO. DESFOCA E BOTA, OS LIVROS NA MINHA CARA, AS NOTAS, EU INTERROMPO O RITMO NUM TOM COM O PALCO E A CENA, E SELO ASSIM, COM A QUEDA E O NÃO - TODOS ME APONTAM: ESTOU NA LAMA! ELES ESTAO ATRAS DE MIM, FOTOGRAFAM MEUS PASSOS. ME TÊM NA MÃO, ACHAM - MAS O GOLPE É DE REI, ME DÃO AS COSTAS, E A PRAÇA, A PONTE. TODA RECORDAÇÃO - TUDO É O VASTO E NAUFRAGOU. TENTEI MORRER NUMA OVERDOSE POUCO TEMPO DEPOIS, MAS, NÃO DESISTI AINDA NÃO. O SOL BRILHOU DE NOVO PRA ME QUEIMAR A PELE E O PELO VARIAS VEZES DEPOIS E EU SEI QUE VEM DE NOVO; E EU CRUZEI OS BRAÇOS. ELES ME OLHAVAM E EU NÃO OS VIA MAIS, FUI ATE ENTREVISTADO E OUVIDO, MAS NÃO FALEI. NÃO DISSE NADA. ERAM OS ULTIMOS DIAS. ERA EU E A SALA SOLITARIA A RUA E O VÃO, ALGUEM TOCOU O PIANO E SO ENTAO EU PUDE VER: ERA HORA DE ESTAR E ESTAVA TUDO EM SEU LUGAR, NEM IAM MAIS CORTAR-ME A CARA O VENTO E O FRIO. ENTÃO, É MUSICA! E TOCA OUTRA VEZ. TOMEI DE OUTRO DESTINO. AS COISAS ATÉ QUE SE APRUMARAM POR UM TEMPO, ERA O CENTRO DE UM MUNDO, HAVIA ATE A SUA TRILHA, MAS EU FUI SEMPRE SEM A SOLUÇÃO, UMA GAROTA LINDA ME ACOMPANHAVA E A RUA, ESSE ERA O PÃO. TAVA JA TUDO DE OUTRA E É VEZ. NOTICIA? O FODA-SE! ERA EU METADE, NEM IA EU MORRER POR ISSO, SAUDADE? SOZINHO EU SEMPRE ME FUI DIANTE DO SOL E TODO MAR, DEIXEI TODOS SENTADOS, ESPERANDO, LEMBRANDO ABRAÇOS E OS CUMPRIMENTOS, FEIÇÃO. VAIDADE, NAS ASAS DE UM AVIÃO - ENTRE AS BAGAGENS E OUTRAS BOBAGENS, NÃO IA NÃO, NÃO IA NADA ALI DE MEU. EU ERA O TORTO, NÃO DEI NOTICIA, NEM CARTA ALGUMA VIRAM CHEGAR. SUMI COM O MUNDO E A COISA AGORA NEM TEM LUGAR, PERDEU NO AR. COM A CULPA LÁ VÃO TER, LIDAR, PORQUE EU MESMO, NAO VOU VOLTAR. NÃO VOU MAIS NÃO. JÁ NÃO ADIANTA. CHEGA DESSA GENTE DE AGORA AQUI É PRA FRENTE QUE A GENTE ANDA...
.
.



Um comentário:

Bia disse...

...
"vaidade, nas asas de um avião",
Gostei tanto dessa expressão!...

Não sei que respostas suas
peguntas buscam, mas sei que
são bonitas, que são identificáveis, que provocam a mente, que vêm de você, e só por isso, já seriam, avassaladoras.

Avassalador,
um bom adjetivo para você, Gus.

Beijos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...